voltar à página inicial

 

Francisco de Paula Ribeiro e seus familiares

Pais

Bisavós materno

Avós materno

Trisavós materno

Avós paterno

Tios materno

Irmãos

Pais

Francisco Luiz Ribeiro natural de Valença do Minho, Portugal, nasceu em 19 de dezembro de 1821 e faleceu na cidade do Rio de Janeiro, Brasil, em 21 de setembro de 1877. Casou-se em 24 de maio de 1843, na casa de seu sogro, Igreja de São Pedro de Rio Grande, Rio Grande, RS, com Virginia Cândida Vizeu (Virginia Cândida Ribeiro após o casamento)  natural da cidade de Pelotas, RS, nascida em 9 (11) de maio de 1824, e batizada na Freguezia de São João Baptista do Herval, Pelotas, RS, em 26 de maio de 1824 tendo falecido em 30 de setembro de 1897 na cidade de Santos, SP, onde morava com seu filho Francisco de Paula.
Virginia Cândida foi sepultada na Campa nº 120 do jazigo nº 1 da Irmandade de N. S. do Rosario Aparecida – Cemitério do Paqueta, sendo exumada e seus despójos sido transladados para o  cemitério da Consolação, quadra 48 terreno 31, São Paulo, em 26 de setembro de 1978, onde descança, entre outros, ao lado de seu filho Francisco de Paula Ribeiro.
Francisco Luiz foi sepultado no cemitério de São João Batista, Rio de Janeiro, e seus restos mortais foram exumados em 09 de setembro de 1918 e depositados no ossário geral. Não foi possível localizar os seus despójos para serem transladados para São Paulo e enterrados junto aos de sua esposa.

retornar ao topo da página

Avós materno

Pais de Virginia Cândida Vizeu
Antonio de Moraes de Figueiredo Vizeu natural de Vizeu (Sé), Portugal, nasceu por volta de 1787 e faleceu no dia 30 de junho de 1859 e Maria Joaquina Rodrigues (Maria Joaquina Vizeu após o casamento), que também aparece assinando Maria Joaquina da Assunção natural da cidade de Rio Grande, RS., faleceu em 13 de novembro de 1899 em Pelotas, RS. Casaram-se em 06 de abril de 1817, em Piratini, RS.

retornar ao topo da página

Avós paterno

Pais de Francisco Luiz Ribeiro
José Thomaz Ribeiro e Antonia Tereza Gomes, ambos naturais de Portugal

retornar ao topo da página

Bisavós materno

Pais de Antonio de Moraes de Figueiredo Vizeu
Luiz Gomes Moraes e Ignes Angelica, ambos naturais de Vizeu, Portugal.
Pais de Maria Joaquina Rodrigues (Vizeu)
José Rodrigues Barcellos "Comendador", nasceu em 10 de agosto de 1767 em Viamão, RS. e Anna Bernarda Cunha, nascida em 1799 e falecida em 14 de dezembro de 1870 em Pelotas, RS.  Casaram-se em 20 de agosto de 1799 no Rio Grande do Sul. Ambos eram naturais da cidade de Rio Grande, RS.

retornar ao topo da página

Trisavós materno

Pais de José Rodrigues Barcelos
Antonio Rodrigues Barcelos, natural da Freguesia de S. Mateus da Ilha do Pico, e de Rosa Perpétua de Jesus, natural da Freguesia de Santa Bárbara de Nove Ribeiras, Ilha Terceira, Arquipélago dos Açores.
Pais de Ana Bernarda Cunha
Joaquim da Cunha Barbosa e de Ana Jacinta do Nascimento.

retornar ao topo da página

Tios materno

1- José Maria Vizeu "Capitão" nascido e batizado na Freguesia de Jaguarão, RS, e Maria Eulalia Rodrigues Alves natural de Porto Alegre, RS. Casaram em 28 de maio de 1859, na Freguezia de São Francisco de Paula, Pelotas, RS.
2- Maria Eliza Rodrigues Vizeu
3- Maria Antonia de Morais, nascida em 11 de março de 1818, em Erval, RS e falecida em 05 de outubro de 1908. Casou-se em 25 de janeiro de 1834, em Erval, RS, com Delfino Lorena de Souza, nascido em 1804, em Florianópolis, SC, e falecido em 25 de fevereiro de 1858 no Rio Grande do Sul.

retornar ao topo da página

Francisco de Paula, 6º filho, e seus 15 Irmãos e descendentes

Os 16 filhos estão corretos, porém faltam muitos netos

1- Francisco: Nasceu em Pelotas, RS a 14 de março de 1844, sendo padrinhos seus avós maternos. Faleceu em Pelotas a 8 de Dezembro de 1844.
2- José: Nasceu na cidade de Rio Grande, RS a 7 de junho de 1845, sendo padrinhos seus avós paternos. Faleceu a 8 de Abril de 1873 na cidade do Rio de Janeiro, DF.
3- Francisco: Nasceu em Pelotas, RS a 12 de outubro de 1846, sendo padrinhos seus avós maternos. Faleceu a 8 de dezembro de 1846 em Pelotas, RS.
4- Joaquim Luiz Nasceu em Pelotas, RS a 29 (26) de novembro de 1847, e foi batizado aos 21 de dezembro de 1847, na Paróquia de São Francisco de Paula, Pelotas, RS, sendo padrinhos seus avós maternos. Casou-se no Rio de Janeiro com Adelaide Fragoso Ribeiro, natural dessa cidade, filha de Anacleto R?? e Guilhermina R?? , nascida a 29 de maio de 1849, faleceu a 22 de janeiro de 188? Em viagem do ?? para o Rio, sendo sepultada em Cabedello, na Parahyba do Norte. Seus filhos: Virginia nascida em Montevidéo, Uruguay, a 26 de maio de 1872, Sara nascida em Montevidéo, Uruguay, a 15 de março de 1874, Alice nascida em Santos a 3 de junho de 1876, Francisco nascido em Santos a 10 de setembro de 1879 e Corina nascida em Santos a ?? de outubro de 1880.
5- Antonio Luiz – Capitão - Nasceu em Pelotas, RS a 4 de junho de 1849, sendo padrinhos seus avós maternos e faleceu de gripe a 17 de agosto de 1911, com 62 anos de idade, na rua Conselheiro Nébias, 99, São Paulo e foi sepultado no cemitério da Consolação, tendo deixado bens e testamento.. Casou-se em São Paulo a 24 de dezembro de 1874 com Maria das Dôres Sandim Ribeiro falecida a 22 de outubro de 1937, com 80 anos de idade, na rua Visconde do Rio Branco, 690, São Paulo, e foi sepultada ao lado de seu marido no cemitério da Consolação, em São Paulo. Era filha adoptiva de Joaquim José ?? Sandim e de Cas??? Emilia Gonçalves Sandim ???.Ela declarou em seu testamento feito em 12 de maio de 1896, juntamente com seu esposo, ser filha de pais incógnitos, sendo que a sua filiação foi informada pelo irmão de seu esposo Francisco de Paula, em um manuscrito. Seu único filho José Thomaz Ribeiro nasceu em São Paulo a 13 de setembro de 1876 e faleceu de typho a 23 de maio de 1891, com quinze anos de idade, tendo nascido e falecido em São Paulo.
6- Francisco de Paula: Nasceu em Pelotas, RS a 22 de janeiro de 1851, sendo padrinhos seu avô materno Antonio de Moraes Figueiredo Vizeu e sua tia materna Maria Elizia (Rodrigues)Viseu. Casou-se no Rio de Janeiro, a 15 de maio de 1880 com , Maria Isabel Coutinho Ribeiro (Maria Isabel Coutinho da Silva nome de solteira) natural de Porto Alegre, RS., tendo ela nascido a 25 de junho de 1863. Ela era filha de Sebastião Coitinho da Silva e Francisca Baptista Coitinho da Silva. Tiveram 22 filhos e estão relacionados à parte.
7- Augusto: Nasceu em Pelotas, RS a 29 de julho de 1852, sendo padrinhos Joaquim da Costa Corrêa Leite e sua tia materna Anna Lucia Viseu Meirelles. Morreu, conforme informação do sobrinho que escreveu a carta abaixo, “Lá pelos confins do norte, para onde partira em uma de suas andanças.
” Trecho da carta escrita em 25/02/1958 por um sobrinho não identificado, casado com Beatriz, em resposta a uma crônica de Francisco Luis Ribeiro (outro sobrinho), publicada no jornal “Diários Associados” em 23 de fevereiro de 1958. “Tio Augusto é que foi a ovelha negra da família e não o tio Leão.  Nos seus desregramentos teve uma filha natural, com uma senhora desquitada. Era a neta mais parecida com a nossa avó Ribeiro. Vivia sempre fugido dos seus e só aparecia para arranjar dinheiro e ser enroupado, pois para supri-lo estava sempre pronto o generoso irmão Chico Ribeiro, a quem Deus haja na Santa Glória, pelo bem que fez nesta terra.”
Tio Augusto ainda pequeno fugiu de casa; a família desesperava de encontrá-lo quando apareceu em Pelotas, onde morava, um circo de cavalinhos anunciando para a sua primeira noitada a estréia do “Jovem Augusto”. Desconfiado meu avô foi ao circo e descobriu não ser outro o estreante senão nosso tio Augusto.
O nosso parente era vesgo e tocava piano de ouvido, com grande facilidade. Por tudo isso e pelas suas estrabuleguices, era muito estimado pelos sobrinhos que viam nas suas chegadas motivo para alterações na disciplina caseira, mantida com suavidade e energia pela tua avó e minha boa tia Sinhá.
E aqui fico, meu caro Chico. Com Julita abraço afetuoso de Beatriz e do “não tem assinatura” ???”
8- Virginia (Maria Virginia, informação Noé) Ribeiro de Souza: Nasceu em Pelotas, RS no dia 31 de outubro de 1853, sendo padrinhos seus tios Delfino ??? e Maria Antonia de Morais. Casou-se a 5 de novembro de 1870 com Scipião José de Souza, também natural de Pelotas, RS, nascido a 20 de maio de 1840, filho de  ??????? e ???????.Seus filhos: Lucilia nascida em Pelotas, RS, a 5 de março de 1872, Gustavo nascido em Pelotas a 23 de junho de 1871, Augusto nascido em Pelotas, RS, a 23 de setembro de 1874, Raul nascido em Pelotas, RS, a 17 de fevereiro de 1876 e faleceu no Rio de Janeiro a 3 de setembro de 1876, Mario nascido em Pelotas, RS, a ?? de ?? de 187?, Hortencia nascida em Pelotas, RS, a ?? de ?? de 187?, Alice nascida em Pelotas, RS, a 6 de março de 1881, Francisco nascido em Pelotas, RS, a ?? de ?? de 188?, Abel nascido em Pelotas, RS, a 31 de outubro de 188? e Luiz nascido em Santos a ?? de ?? de 1887.
9- Gustavo: Nasceu em Pelotas, RS a 15 de setembro de 1855, sendo padrinhos  J?? Affonso Alves e Josepha Vizeu? Alves. Ele faleceu em Buenos Ayres a 4 de março de 1.868.
10- Oscar: Nasceu em Pelotas, RS a 17 de março de 1857, sendo padrinhos P?? Gonçalves Meirelles e sua avó materna..Casou-se no Rio de Janeiro, a ? de Janeiro de 1888 com Cornelia   ??? filha de ??? e Carlota Gaffreé A?, sendo Cornelia nascida a 19 de Outubro de 186?.
11- Alice Ribeiro (Alice Ribeiro Winter): Nasceu em Pelotas, RS a 22 de maio de 1858, sendo padrinhos Antonio da Silva Ferreira F?? e sua esposa Emilia Viseu F??. Casou-se em Santos a 03 de dezembro de 1881 com Gerhard (Geraldo) Augusto Winter , êle natural de Frankfurt, Alemanha faleceu a 4 de outubro de 1884 na cidade de Pelotas, RS.
O filho do casal, Guilherme Ernesto Winter, engenheiro civil, antigo secretário da Viação, nasceu em Santos a 21 de abril de 1884 e foi batizado em Pelotas, RS, a 10 de abril de 1885. Casou-se com Berta Isacson Winter e tiveram uma filha Maria Tereza Winter, nascida a 21 de março de 1928 que casou-se com Fábio Paes de Barros Fagundes, nascido em São Paulo a 11 de dezembro de 1920. Ele era filho de Sizinia Paes de Barros e Waldomiro Fagundes
12- Leão: Nasceu em Pelotas, RS a 7 de julho de 1860, sendo padrinhos José? Viera Pimenta e Domingas Antonio Felix da Costa. Formado em Direito na faculdade de São Paulo a 7 de novembro de 1883. Ele era o único irmão que tinha formação superior e era corcunda. Foi casado com uma prima gaúcha de apelido Mariquinha, da qual houve um filho, morto com meses de idade. Leão faleceu jovem.
13- Maria (Maria Josefa, informação Noé): Nasceu em Pelotas, RS a 27 de junho de 1862, sendo padrinhos Dr. Ildefonso Simões Lopes e sua mulher Maria Josepha de Castro Lopes. Casou-se em Santos a 4 de fevereiro de 1882 com Francisco de Paula Rabello e Silva. Seus filhos: Bertha nascida em São Paulo a 20 de janeiro de 1883, Roberto nascido em São Paulo a ?? de ?? de 188?, Humberto nascido em São Paulo a ?? de ?? de 188?, Maria, solteira, nascida em São Paulo a ?? de ?? 188? e Virginia casada com o médico Dr. Delfino Pinheiro Cintra nascida em São Paulo a ?? de ?? de 188?. Tiveram um filho chamado Nuno.
14- Paulo: Nasceu em Buenos Ayres, Argentina, a 20 de janeiro de 1864, sendo padrinhos seu irmão José Thomas e Sim??? Ortiz.
15- Branca: Nasceu em Buenos Ayres, Argentina, a 25 de fevereiro de 1866, sendo seus padrinhos João Carlos Pereira Pereira Pinto e sua senhora Carolina Luiza ?? Pereira Pinto. Faleceu na mesma cidade a 8 de dezembro de 1.866.
16- Sara: Nasceu em Buenos Ayres, Argentina, a 24 de dezembro de 1867, sendo batizada em 10 de dezembro de 1868 – Livro 14 à fôlha 34 -  na Matriz de São Francisco de Paula de Pelotas, tendo como padrinhos seus irmãos Joaquim Luiz Ribeiro e Virginia Ribeiro. Faleceu victima de croup a 10 de Setembro de 1872 em Pelotas, RS.

retornar ao topo da página